Newsletter
Notícias

Ministro da Agricultura visita Casa Paraná Cooperativo e exalta protagonismo das cooperativas

08/02/2024

A Casa Paraná Cooperativo, espaço utilizado pelo Sistema Ocepar no Show Rural Coopavel, recebeu na quarta-feira (7), as visitas do ministro da Agricultura, Carlos Fávaro e do secretário de Política Agrícola, Neri Geller, do diretor do Departamento de Políticas de Financiamento para Agropecuária, Wilson Vaz de Araújo, além da presidente da Embrapa, Silvia Massruhá e demais autoridades, entre os quais deputados e prefeitos de várias regiões brasileiras. Recepcionado pelo diretor da Ocepar e presidente da Frimesa, Elias Zydek e pelo superintendente da Ocepar, Robson Mafioletti, o ministro aproveitou para conhecer as instalações da Casa Paraná Cooperativo e na sequência, conceder entrevista coletiva para a imprensa de todo o País.

Como não poderia ser diferente, ele exaltou a importância do setor cooperativista para o desenvolvimento socioeconômico do Brasil. “Os três estados do Sul, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul são o berço do cooperativismo no País”, salientou. Ele recorreu aos números para comprovar essa grandeza. São 4.693 cooperativas no País totalizando 20,5 milhões de cooperados. “É um sistema tão perfeito, em que pequenos e médios produtores, têm a oportunidade de ter competitividade”. Além de tudo isso, conforme o ministro, o setor responde por R$ 19 bilhões em geração de impostos para a nação. “E é justamente por isso que esse modelo já consolidado no Paraná será incentivado pelo governo federal”.

O ministrou falou ainda que na sexta-feira passada, o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), lançou uma linha de crédito para cooperativas de crédito, ProcapCred. Serão 12 anos para amortização da dívida para as regiões Sul e Sudeste e 15 anos para o Norte e Nordeste. “Serão juros mais baixos. Esse recurso fará com que o produtor prospere ainda mais, abrindo uma janela de oportunidades”, enfatizou o ministro Carlos Fávaro, durante a coletiva à imprensa realizada na Casa Paraná Cooperativo, no Show Rural Coopavel.

O ministro aproveitou o Show Rural para anunciar a suspensão imediata da importação de tilápias do Vietnã, com o objetivo de assegurar mercado à produção interna e evitar riscos à segurança alimentar. “Antes de vir a Cascavel, decidimos suspender imediatamente a importação da tilápia procedente do Vietnã até que os protocolos sejam revisados e não corra risco algum a questão sanitária “. É uma resposta feita pelo setor produtivo do Brasil e em especial do Paraná, o maior produtor da espécie no País.

Carlos Fávaro falou também sobre o Plano de Retomada dos Estoques Reguladores de Grãos e a garantia de preço mínimo. “E uma necessidade pública de estabilidade aos produtores tanto de commodities como de proteína animal”, enfatiza. Segundo ele, é papel do governo garantir esta segurança. “Não fazendo grandes estoques, mas adquirir o milho no momento que está abaixo do valor mínimo e posteriormente, socorrer as cadeias alimentares da agricultura em um momento de escassez do produto, para suprir a alimentação dos animais do setor de proteína animal”.

Assessoria de Imprensa Ocepar

 

O EasyCOOP e os cookies: nós usamos os cookies para guardar estatísticas de visitas, melhorando sua experiência de navegação.
Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.